sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Assim se nada

Nade com a mesma atenção com que lê um lívro,
mergulhando na imaginação de como está nadando.
Observe seu nado da mesma forma que observa uma obra de arte,
cada vez que observa vai descobrindo coisas novas.
Nade apreciando seu nado assim como aprecia um bom prato,
a cada braçada é um momento de prazer.
Nade se entregando a água assim como se entrega a uma grande paixão,
nade de corpo e alma.
Nade com a água e não contra a água,
Seja um só com ela.

Um comentário:

  1. "Às vezes, estar muito alheio à liberdade mostra estar sem pudor. 'Deve ser uma pessoa com 'problema' ', ou 'Não cresceu', dizem. Logo, a irritação vem singelamente à face do menosprezador"

    ResponderExcluir

Seguidores